Responsabilidade socioambiental: evolução das concepções de acadêmicos de engenharia

Social and environmental responsibility: the evolution of concepts amongst engineering students

Elaine Maria dos Santos, José Dutra de Oliveira Neto, Juliano Tadeu Vilela de Resende

Resumo


O presente estudo tem como objetivo verificar a evolução da percepção dos alunos de Engenharia em relação às práticas de responsabilidade socioambiental das empresas. Trata-se de uma pesquisa de natureza aplicada, quantitativa em função do problema, descritiva de acordo com seus objetivos e é um levantamento, considerando os procedimentos técnicos. Utilizou-se um modelo adaptado de questionário do Instituto Ethos (2004), o qual foi pré-testado. Os resultados obtidos mostram que o debate sobre o comportamento ético ou social das empresas ainda é muito pequeno no ambiente acadêmico, e que não há um crescimento significativo no interesse dos alunos em função do andamento do curso de graduação. Com isso pode-se inferir que os futuros engenheiros ainda não estão adequadamente preparados para uma discussão acerca desta temática. No entanto, verificou-se que a visão crítica dos alunos frente às práticas de responsabilidade socioambiental é melhorada no decorrer do curso de graduação, facilitando a atuação em situações do cotidiano. Responsabilidade socioambiental no Brasil ainda não é um tema amplamente difundido, mas observou-se que há grande interesse por esta temática, entre os alunos do 1º ano. Dessa forma, pode-se concluir que este assunto está começando a ganhar espaço nas discussões acadêmicas, apontando a probabilidade de um resultado diferente daqui a cinco anos, quando esta nova geração estará apta para um mercado de trabalho onde as questões sociais estarão sendo consideradas cada vez mais relevantes.

Abstract

The present study attempts to examine the evolution of the perception of the undergraduate students of Engineering concerning the social and environmental responsibility of the companies. A quantitative and applied approach was chosen, with descriptive objectives and survey procedures. An adapted questionnaire from the Ethos Institute (2004) was used, which was pre-tested beforehand. The results show that discussions about ethical or social behavior of the companies still is very little in the academic setting and there is no significant growth in the students’ interest during the undergraduate program. Therefore, it can be inferred that the future engineers are not yet adequately prepared for a discussion about this theme. It was verified, however, that the critical view of the students regarding social and environmental responsibility practices tends to improve along the undergraduate program, facilitating their practice in daily situations. Discussions about social and environmental responsibility in Brazil are not yet widely addressed, although the freshman appeared to be greatly interested in this theme. Thus, it can be concluded that the subject has begun to gain space in academic discussions, which will probably generate different results within five years, when this new generation is ready for the labor market, where social issues are becoming increasingly relevant.


Palavras-chave


responsabilidade socioambiental; ensino de engenharia; evolução de conceitos.

Texto completo:

PDF


AMBIÊNCIA

Alameda Élio Antonio Dalla Vechia, n. 838,
Bairro Vila Carli – CEDETEG
85040-167  Guarapuava-Paraná-Brasil
ISSN 1808-0251 (Print) - Ambiência ISSN 2175-9405 (Online)

        Logotipo do Crossref               

Periódicos Qualis - Plataforma Sucupira

Qualis B2 - Ensino

Qualis B3 - Interdisciplinar

Qualis B3 - Planejamento Urbano e Regional / Demografia

Qualis B2 - GEOGRAFIA

InfoBase Index - IBI Factor 2016 = 2,5


Large Visitor Globe     

                        Copyright © 2005-2019 Editora Unicentro
Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.