Avaliação de Brassinosteróides na quebra de dormência e no crescimento de ramos de Macieira ( Malus domestica)

Evaluation of Brassinosteroids in dormancy break and in growth of branches of Apple Tree (Malus domestica)

Tatiane Hilgenberg, Ricardo Antonio Ayub

Resumo


A macieira necessita de horas de frio para superar a dormência de suas gemas. Como vários locais não apresentam quantidade de frio suficiente, as plantas não brotam satisfatoriamente, ocasionando desuniformidade de crescimento e baixa produtividade. Sendo assim o presente experimento buscou avaliar o uso do fitormônio brassinosteróide na quebra de dormência e no crescimento dos ramos laterais da macieira, cultivares Eva e Julieta. Para tal experimento, utilizaram-se mudas de maçã das cultivares Eva e Julieta, tratadas com o 24 Epi Brassinolídeo, nas concentrações de 0; 0,004; 0,02; 0,1 e 0,5 mg.L-¹. Foram avaliados: porcentagem de brotação, comprimento de brotação primária e secundária e número de ramosprimários e secundários. A porcentagem de brotação foi avaliada 50 dias após a aplicação dos tratamentos, enquanto o número e o comprimento dos ramos foram avaliados 120 dias após. Nessas condições, pode-se concluir que os brassinosteróides não interferem na quebra de dormência das gemas laterais e no crescimento dos ramos de macieira. Entretanto, as cultivares apresentaram diferença significativa em relação ao número e ao comprimento de ramos secundários, sendo que a cultivar Eva apresentou maior número de ramos primários, enquanto a cultivar Julieta apresentou o maior comprimento dos ramos primários.

Abstract

Apple tree needs of cold hours to break the dormancy in lateral shoots. Yet at so many regions there is not cold enough, so plants doesn ́t spring. However while some shoots are dormant, others can start to sprout, causing no uniformity of development and short productivity, in this context the purpose of this experiment was to use the plant growth regulator brassinosteroid to helps in dormancy break and to promote the development of lateral shoots of apple tree, cultivar Eva and Julieta. To do it were used apple seedlings of cultivar Eva and Julieta, treated with 24 EPI Brassinolide, in concentrations of 0; 0,004; 0,02; 0,1 e 0,5 mg.L-¹. It was evaluated: shoots percentage, length and number of primary and secondary branches. The shoots percentage were evaluated 50 days after application of treatments, while the length and the number of primary and secondary branches, were evaluated 120 after application. In this conditions can be said that BRs doesn ́t have effect in break dormancy of lateral branches and in growth of branches of apple tree. However, cultivars presented significant difference in relation about the number of primaries branches and about the length of primaries branches, thus cultivar Eva presented greater number of primaries branches, while the cultivar Julieta presented greater length of primaries branches.


Palavras-chave


Fitormônios, Desenvolvimento vegetal, 24 Epi Brassinolídeo

Texto completo:

PDF


AMBIÊNCIA

Alameda Élio Antonio Dalla Vechia, n. 838,
Bairro Vila Carli – CEDETEG
85040-167  Guarapuava-Paraná-Brasil
ISSN 1808-0251 (Print) - Ambiência ISSN 2175-9405 (Online)

        Logotipo do Crossref               

Periódicos Qualis - Plataforma Sucupira

Qualis B2 - Ensino

Qualis B3 - Interdisciplinar

Qualis B3 - Planejamento Urbano e Regional / Demografia

Qualis B2 - GEOGRAFIA

InfoBase Index - IBI Factor 2016 = 2,5


Large Visitor Globe     

                        Copyright © 2005-2019 Editora Unicentro
Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.