A comparative study of Odonata (Insecta) in aquatic ecosystems with distinct characteristics

Um estudo comparativo de Odonata (Insecta) em ecossistemas aquáticos com distintas características

João Ânderson Fulan, Raoul Henry

Resumo


O objetivo deste trabalho foi estudar comparativamente a riqueza e a densidade de larvas de Odonata em quatro ambientes distintos: lótico com grande carga de contaminantes, lótico com pouca carga de contaminantes, lêntico desconectado do rio e lêntico conectado ao rio, assim como caracterizar os quatro ambientes quanto às características físicas e químicas da água. Identificamos um total de 1.302 larvas de Odonata nos quatro ambientes. As variáveis ambientais medidas foram: oxigênio dissolvido, pH, condutividade, sólidos em suspensão, temperaturas do ar e da água, precipitação, profundidade e biomassa das macrófitas. Os ambientes lênticos mostraram uma maior densidade de larvas de Odonata em relação aos lóticos, exceto no mês de abril e dezembro de 2006. O rio Guareí mostrou uma alta condutividade devido à grande quantidade de contaminantes que recebe, no entanto, no período de junho a setembro de 2006, apresentou uma maior densidade de larvas de Odonata em comparação ao rio Paranapanema. A temperatura e oxigênio dissolvido na superfície da água foram, respectivamente, maiores e menores nos lagos em comparação aos rios. Apesar da densidade de larvas de Odonata ter sido maior nos ecossistemas lênticos em relação aos lóticos, a riqueza não se alterou durante o período estudado. Além disso, a composição de gêneros foi distinta, mostrando que alguns táxons apresentam certa preferência por determinados tipos de ecossistemas como Calopterygidae e Neogomphus os quais foram amostrados exclusivamente no rio Paranapanema.

Abstract

The objective of this study was to compare the richness and density of Odonata larvae in four distinct environments: lotic with large pollutant loads, lotic with small pollutant loads, lentic disconnected from a river and lentic connected to a river, as well as to record the physical and chemical parameters of the water in the four environments. We identified a total of 1,302 Odonata larvae in the four habitats. The environmental variables measured were: dissolved oxygen, pH, conductivity, suspended matter, air and water temperature, precipitation, depth, and the biomass of the macrophytes. The lentic habitats exhibited a greater Odonata larvae density in relation to the lotic habitats, except during April and December of 2006. The Guareí River, however, presented an elevated conductivity, possibly because of a greater quantity of pollutants it received during the period between June and September of 2006, and it showed a higher density of Odonata larvae in comparison to the Paranapanema River. The temperature and the dissolved oxygen on the water surface were, respectively, greater and smaller in the lakes in comparison to the rivers. In spite of the Odonata density being higher in the lentic ecosystems in comparison to the lotic, the richness was not altered during the period studied. Nevertheless, the genera composition was distinct, showing that some taxa show a certain preference for certain types of ecosystems like Calopterygidae and Neogomphus, which were shown exclusively in the Paranapanema River.


Palavras-chave


larvas; lago; rio; libélulas.

Texto completo:

PDF


AMBIÊNCIA

Alameda Élio Antonio Dalla Vechia, n. 838,
Bairro Vila Carli – CEDETEG
85040-167  Guarapuava-Paraná-Brasil
ISSN 1808-0251 (Print) - Ambiência ISSN 2175-9405 (Online)

        Logotipo do Crossref               

Periódicos Qualis - Plataforma Sucupira

Qualis B2 - Ensino

Qualis B3 - Interdisciplinar

Qualis B3 - Planejamento Urbano e Regional / Demografia

Qualis B2 - GEOGRAFIA

InfoBase Index - IBI Factor 2016 = 2,5


Large Visitor Globe     

                        Copyright © 2005-2019 Editora Unicentro
Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.