A dimensão da disponibilidade hídrica: uma análise entre a conjuntura brasileira e o relatório de desenvolvimento mundial da água

The dimension of water availability: an analysis between the brazilian circumstance and the world water development

Marco Tulio Nascimento Rego Filho, Armando Cesar Rodrigues Braga, Rosires Catão Curi

Resumo


A Agência Nacional de Águas lançou o primeiro Relatório de Conjuntura dos Recursos Hídricos no Brasil em 2007, e desde então, disponibiliza, anualmente, os informes que são estruturados em dois grandes grupos temáticos que tratam a situação e a gestão dos recursos hídricos superficiais no território brasileiro. Em 2012, ocorre na cidade de Marselha/França o Fórum Mundial da Água, tratando a temática das mudanças climáticas globais, atreladas ao exponencial crescimento demográfico, ambos provocando aumento da pressão sobre os recursos hídricos, afetando sua distribuição tanto espacial quanto temporal. O Relatório da Conjuntura dos Recursos Hídricos no Brasil - Informe 2012, explicita que “o país apresenta uma situação confortável, em termos globais, quanto aos recursos hídricos”. A disponibilidade hídrica per capita, determinada a partir de valores totalizados para o país, indica uma situação satisfatória, quando comparada aos valores dos demais países informados pela ONU. Diante dessa informação, o objetivo deste trabalho é realizar análise comparativa entre os dados disponíveis no Relatório de Conjuntura dos Recursos Hídricos no Brasil, enfatizando as Regiões Hidrográficas que compõem o Nordeste brasileiro, caracterizada por problemas de escassez e distribuição hídrica, com a situação a nível mundial informada pelo WWDR4, utilizando os dados levantados no sistema AQUASTAT, pertencente à FAO. Foram comparados os índices de capacidade de armazenamento per capita, número de reservatórios e vazão demandada. Nesse sentido, a análise evidenciou a grande capacidade de armazenamento que o Brasil possui, entretanto, por ser um país de grandes dimensões, esse panorama não é uniforme para todo o país, sendo observada uma disparidade entre a capacidade de armazenamento, reservação e, principalmente, entre a vazão demandada em todas as regiões do país. Palavras-chave: disponibilidade hídrica; gestão de recursos hídricos.

Abstract

The national water agency, released the first report on Water Resource Environment in Brazil in 2007, since then, provides annually reports that are structured into two major thematic groups dealing with the situation and the management of surface water resources in the Brazilian territory. In 2012, occurs in the city of Marseille / France, the World Water Forum, addressing the issue of global climate change, linked to the exponential population growth, both causing increased pressure on water resources, affecting its spatial and temporal distribution. The report on the Water Resources Situation in Brazil-2012 Report, explains that with respect to the water resources “overall, the country has a comfortable situation”. The per capita water availability, determined from aggregated values for the country, indicates a satisfactory situation, when compared to the values of other countries reported by the UN. Given this information, the aim of this study is to conduct a comparative analysis of the available data in the Report Survey on Water Resources in Brazil, emphasizing the Hydrographic Regions of the Brazilian Northeast region, characterized by its scarcity and water distribution problems, with the worldwide situation informed by WWDR4, using the data collected in the system AQUASTAT, of FAO. We compared the indicators of per capita storage capacity, number of reservoirs and water demanded. In this sense, the analysis showed that Brazil has a large water storage capacity. However, being a very large country, this situation is not uniform throughout the nation, being observed a disparity among the several regions of the country, mainly in terms of storage capacity, water reservation and the volume of water demanded.


Palavras-chave


disponibilidade hídrica; gestão de recursos hídricos.

Texto completo:

PDF


AMBIÊNCIA

Alameda Élio Antonio Dalla Vechia, n. 838,
Bairro Vila Carli – CEDETEG
85040-167  Guarapuava-Paraná-Brasil
ISSN 1808-0251 (Print) - Ambiência ISSN 2175-9405 (Online)

        Logotipo do Crossref               

Periódicos Qualis - Plataforma Sucupira

Qualis B2 - Ensino

Qualis B3 - Interdisciplinar

Qualis B3 - Planejamento Urbano e Regional / Demografia

Qualis B2 - GEOGRAFIA

InfoBase Index - IBI Factor 2016 = 2,5


Large Visitor Globe     

                        Copyright © 2005-2019 Editora Unicentro
Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.