Caracterização socioeconômica e tecnológica da atividade de pesca desenvolvida em São João de Pirabas–Pará–Brasil

Socioeconomic and technological characterization of fishing on the São João de Pirabas-Pará-Brazil

Tiago Pereira Brito, Antonia Natalia Dias de Oliveira, Daniella Amor Cunha da Silva, Jaime Alessandro de Souza Rocha

Resumo


A atividade de pesca é de grande importância para o desenvolvimento socioeconômico das comunidades litorâneas paraense, sendo ela um dos principais meios de renda para essas comunidades. Com a finalidade de contribuir com informações sobre a pesca realizada no estado do Pará, o presente estudo fez uma caracterização socioeconômica e tecnológica dessa atividade no município de São João de Pirabas, por meio da realização de cinquenta entrevistas semiestruturadas com pescadores locais. Constatou-se que a pesca tem sido uma atividade praticada principalmente por homens adultos (média de 45,6 anos), oriundos de dezesseis municípios paraenses e outros cinco estados brasileiros, com tempo médio de moradia na região de aproximadamente 31 anos. São pescadores com baixo grau de instrução escolar e, em sua maioria, casados (56,0%) e com cerca de três filhos por entrevistado. A média de moradores por residência foi de 4 pessoas, sendo as casas feitas de alvenaria, madeira ou pau-a-pique. A pesca foi a principal atividade de renda e subsistência dos entrevistados, sendo identificadas sete artes de pesca (rede de emalhe, linha e anzol, espinhel, curral, tarrafa, tapagem e matapi), voltadas a captura de pelo menos quinze espécies-alvo, sendo as principais a cavala (Scomberomorus cavalla), serra (S. brasiliensis), pescada gó (Macrodon ancylodon), corvina (Cynoscion spp.), pescada (Cynoscion spp.), bandeirado (Bagre bagre) e tainha (Mugil spp.). Utilizavam embarcações como canoas, canoas motorizadas, barco de pequeno porte e barco de médio porte, que proporcionaram deslocamentos entre 2-300 milhas, com tempo de deslocamento variando entre 0,33-72,0 horas e, tempo de autonomia, pescando entre 0,5-19 dias, sendo a pesca realizada ao longo de todo o ano na região.

Abstract

The fishing activity has a great importance to the socioeconomic development of Pará coastal communities, as fishing is one of the main means of income for these communities. Thus, the present study is aimed to characterize the socioeconomic and technological aspects of fishing in São João de Pirabas, located on the coast of the state of Pará, by carrying fifty semi-structured interviews with local fishermen. It was found that the fishing has been mostly an activity practiced by adult men (mean 45.6 years), coming from sixteen Pará municipalities and five other Brazilian states, with an average time of residence in the region for about 31years. The respondents had a low level of schooling and, mostly, presented wives (56.0%) and about 3 children. The average number of residents per household was four people, with houses made of brick, wood or wattle-and-daub. Fishing was the main activity of income and livelihood of respondents. Seven gears were identified (network gill nets, hook and line, longline, fish corrals, cast net, basket trap and line net of tide canals), aimed at capturing at least 15 target species, especially mackerel (Scomberomorus cavalla), serraspanish mackerel (Scomberomorus brasiliensis), king weakfish (Macrodon ancylodon), corvina (Cynoscion spp.), hake (Cynoscion spp.), catfish (Bagre bagre), and mullet (Mugil spp.). Fishing was performed throughout the year in the region. The fishermen used boats like canoes, motorized canoes, small-size boat and medium-size boat, to dislocate to fishing areas with distant of 2-300 miles; the travel time ranged from 0.33 to 72.0 hours and, fishing time ranged from 0.5 to 19 days.

 


Palavras-chave


Amazônia; arte de pesca; litoral paraense; pescador; petrecho pesqueiro.

Texto completo:

PDF


AMBIÊNCIA

Alameda Élio Antonio Dalla Vechia, n. 838,
Bairro Vila Carli – CEDETEG
85040-167  Guarapuava-Paraná-Brasil
ISSN 1808-0251 (Print) - Ambiência ISSN 2175-9405 (Online)

        Logotipo do Crossref               

Periódicos Qualis - Plataforma Sucupira

Qualis B2 - Ensino

Qualis B3 - Interdisciplinar

Qualis B3 - Planejamento Urbano e Regional / Demografia

Qualis B2 - GEOGRAFIA

InfoBase Index - IBI Factor 2016 = 2,5


Large Visitor Globe     

                        Copyright © 2005-2019 Editora Unicentro
Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.